terça-feira, 2 de março de 2010

O tempo


Mixuruuuuuca! Mas eu precisava portar algo para não enlouquecer!


Às vezes a gente encarrega o tempo de certas tarefas que ele não pode cumprir.

Invariavelmente exigimos do tempo um poder de cura que ele não tem.

Às vezes o tempo nos faz recordar, quando deveria nos fazer esquecer.

Algumas, não raras, vezes o tempo muda o que deveria ser eterno.

O tempo não tem dono...
O tempo não tem don...
O tempo não tem do...
O tempo não tem d...
O tempo não tem..
O tempo não te...
O tempo não t...
O tempo não...
O tempo nã...
O tempo n...
O tempo...
O temp...
O tem...
O te...
O t...
O
!

Um comentário:

  1. aii q bonito!
    *--*
    eu adoro tuuudo o q vc escreve.. eh tao.. incrivel!

    ResponderExcluir